Aruba é um território autônomo neerlandês do Caribe, ao largo da costa da Venezuela

Por ser um território dependente da Holanda, durante a Segunda Guerra, quando os alemães invadiram a Holanda, Aruba foi deixado sem defesa.

Na ilha havia uma grande refinaria estadunidense, mas como o país era neutro e não tinha entrado na guerra, não podiam fazer muita coisa para a sua proteção.

A Refinaria Lago estava produzindo alta octanagem de gasolina para o esforço de guerra britânico, por isso foi decidido enviar Queen’s Own Cameron Highlanders (Uma infantaria do exército britânico) para defender a ilha e a refinaria em caso de um ataque por tropas alemãs.

Depois foi enviado um Regimento de Artilharia dos Estados Unidos para defender a Ilha. 

Boy Ecury

Foi nesse cenário que se encontrava Segundo Jorge Adelberto Ecury, mais conhecido desde menino como Boy Ecury.

Nascido em Oranjestad, capital de Aruba em 1922, foi enviado para Holanda junto de um outro irmão para Estudar. Estavam no país quando a Segunda Guerra teve inicio e pôde presenciar a invasão nazista em 1940.

Ecury conheceu outro antilhano chamado Luis de Lannoy e ficaram amigos. Luis fazia parte da resistência holandesa,  um grupo armado que realizava operações de sabotagens contra os nazistas.

Após algum tempo, Boy já como um membro ativo da resistência, efetuou inúmeras operações secretas e perigosas, até se tornar um membro do conselho da resistência em Oisterwijk, fato que o obrigou a viver na clandestinidade, passando por várias cidades da Holanda.

Os alemães começaram a investigar e armar tocaias para capturar membros da resistência e obrigá-los a entregar o máximo de rebeldes possível. Luis, amigo de Ecury foi um dos capturados por delação de traidores, sendo preso e torturado a entregar os companheiros também. Boy tentou por várias vezes libertar o amigo da prisão, mas não teve muita sorte, mesmo assim após um tempo Luis escapou.

Imagem ilustrativa da Resistência Holandesa.

Ecury foi uns dos traídos, delatado por ex-companheiros. Foi preso em 1944, passou por interrogatório e tortura, mas não entregou seus companheiros de resistência, no dia 06 de novembro de 1944 foi morto por um pelotão de fuzilamento.

Monumento em homenagem a Boy Ecury em Aruba.

Dois anos do fim da guerra seu corpo foi transladado de volta a Aruba por seu pai e recebeu um enterro com honras militares. Em 1949 foi erguida uma estátua em sua homenagem, também foi agraciado com inúmeras condecorações póstumas pelo governo holandês.

Veja também:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *